Valor calórico dos adoçantes - Será verdade que alguns podem fazê-la engordar?

Escrito por: -

Em brancoSe você já se acostumou com o sabor do seu cafezinho com adoçante e a tomar sucos e refrigerantes lights e diets deve estar se questionando sobre o que fazer a respeito dos recentes boatos de que adoçantes engordam. Um estudo feito com ratos (publicado em 2008) mostrou que o consumo do adoçante sacarina estaria associado ao ganho de peso.

Há que se considerar a forma como o edulcorante (adoçante) é utilizado.Em substituição a um determinado componente do alimento: geralmente os adoçantes são utilizados para substituir total ou parcialmente o carboidrato, acarretando muitas vezes em uma elevação do teor de gorduras. Entre os 3 macronutrientes (lipídeos - gordura-, proteínas e carboidratos), a gordura é a que sacia menos. É por isso que quando comemos alimentos gordurosos temos mais fome ao longo do dia. Isso é muito comum em chocolates diets, que são mais calóricos que os normais. Ou ainda, adicionando-se a determinado alimento (apenas adoça, não altera as calorias final).

Vamos às calorias propriamente ditas:

1 - Quais adoçantes (edulcorantes) não são calóricos ?
- Esteviosídeo (estevia): Extraído de uma planta, possui sabor 300 vezes mais doce do que a sacarose.
- New sugar: É o açúcar comum, porém manipulado quimicamente. O resultado é um adoçante sem calorias e 40% menos doce que a sacarose. É o adoçante mais recente.
- Sacarina- Ciclamato: 50 vezes mais doce que o açúcar.
- Acessulfame-K: Poder de doçura de 180 a 200 vezes maior que o açúcar.

2 -Quais adoçantes (edulcorantes) são calóricos?
- Frutose (presente naturalmente em frutas, milho e outros vegetais e no mel) é mais doce que a sacarose, 2 colheres de frutose = 3 colheres de açúcar, o que permite usar menos quantidade de frutose e reduzir as calorias ingeridas. Contém 4 cal/grama
- Lactose: encontrada no leite também apresenta 4 cal/grama
- Manitol: 2,4 cal/grama
- Xilitol: 2 cal/grama. Seu poder adoçante corresponde à 50% da sacarose
- Aspartame: O líquido contém 1,3 cal/10 gotas e em pó 4 cal/grama
- Sorbitol: 0,01 cal /gota

Em brancoComparando-se com o valor calórico da sacarose que apresenta 4 cal/grama, o mesmo que a encontrada na frutose e na lactose, e levando-se em consideração que a frutose tem maior poder adoçante e que a lactose só é encontrada em produtos lácteos e que há uma imensa gama desses produtos desnatados e, considerando-se ainda que, a quantidade de calorias apresentada nos demais ditos “adoçantes calóricos” é ainda bem menor que no açúcar, mesmo se você optar por um desses adoçantes, ainda estará ingerindo menos calorias. E, você ainda tem a opção de escolher algum adoçante não calórico.

Quanto ao estudo citado no início o qual foi publicado na revista médica Behavioral Neuroscience, leia as considerações da autora do mesmo abaixo:

A autora e psicóloga Susan Swithers alegou que, quando o corpo perde a conexão entre sensação doce e alimento calórico, o uso de sacarina muda a capacidade do organismo de regular o consumo. Ou seja, a sensação doce causada pela ingestão de sacarina estimularia o sistema digestivo a se preparar para o consumo de grande quantidade de calorias.

Se essas calorias não são consumidas, o organismo fica desregulado e, como resultado, pede mais comida ou queima menos calorias, o que provocaria o aumento de peso, afirmaram os pesquisadores. “Os resultados claramente indicam que consumir alimentos adoçados com sacarina pode levar a um aumento de peso e da taxa de gordura maior do que o consumo de açúcares calóricos”, diz Susan.

Segundo a pesquisadora, as experiências indicam ainda que outros adoçantes artificiais, como o aspartame e o acessulfame K, que oferecem o gosto doce, podem ter o mesmo efeito da sacarina.

De qualquer forma, vale uma dica: Procure combinar dois ou mais tipos se seu uso for realmente necessário. Há ainda no mercado, açúcares light, em que se combina sacarose (açúcar comum) com adoçante.

Convém lembrar que, se você for diabético ou apresentar alguma restrição alimentar, como os fenilcetonúricos, por exemplo, é sempre bom perguntar ao seu médico sobre qual adoçante se adequará melhor às suas necessidades.

Votar no artigo:
Nenhum voto. Seja você o primeiro!