Como tirar manchas de sarda no rosto com laser de CO2

Escrito por: -

Sempre achei as sardas um charme a mais nas mulheres (a imagem de sardas na moça acima não me deixa mentir). Adorava voltar da praia com umas ‘pintinhas’ no rosto. Mas em alguns dias elas desapareciam. Mas, pensando bem, eu creio que só gostava de ter manchas de sarda no rosto porque não tinha que conviver sempre com elas. Ou seja, nunca precisava ter de disfarçá-las ao fazer uma maquiagem caprichada, por exemplo. Hoje em dia não as tenho mais, nem com o sol, já que uso filtro solar até para ficar em casa :/

Há um novo tratamento para tirar manchas de sarda no rosto que pode ser bastante eficaz. É feito com laser de CO2 e deve ser aplicado por um médico dermatologista.

Uma novidade no tratamento a laser para sardas está sendo apresentado no 67º Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia que ocorre de 1 a 4 de setembro, no Rio de Janeiro. O Smartxide² Dot/RF atua com precisão e eficiência no tratamento das indesejáveis pintinhas.

“Na face, elas podem surgir na região das bochechas e nariz e têm maior incidência na adolescência, podendo se estender até a fase adulta, momento em que a produção da melanina, pigmento que dá cor a pele, se torna irregular e faz com que as pintas se tornem mais evidentes”, completa o médico cirurgião, diretor das Clínicas Leger, Dr. Roberto Chacur.


Dessa forma, o grupo das mulheres que não consideram as sardas tão engraçadinhas assim e tenta disfarçá-las diariamente com o uso de maquiagens encontrou no laser CO2 uma solução para eliminá-las.

O Smartxide² Dot/RF é um lançamento da Deka Laser líder mundial no desenvolvimento de produtos com tecnologia a laser, tendo a Top Consult como representante brasileira, que detém o laser CO2 utilizado para esse cuidado.

Como funciona o tratamento a laser para sardas?
O comprimento de onda do laser CO2 fracionado é controlado por um computador, por isso há total segurança e precisão da sua intensidade, pois permite atuar somente na sarda e não atinge áreas da pele que dispensam o tratamento.

“O laser de CO2 regula a melanina nas áreas com maior pigmentação, isso faz com que a sarda perca gradativamente a sua coloração. Para atingir os resultados esperados, devem ser realizadas de uma a duas sessões, com duração de 20 a 45 minutos cada uma. No entanto, somente com a avaliação médica é possível ter certeza quanto ao tempo de tratamento”, explica Chacur.

Além das funcionalidades para o tratamento de sardas no rosto, o equipamento também oferece a tecnologia da radiofrequência, que o permite atuar com eficiência e rapidez em outros tratamentos, como o de estrias, clareamento de virilhas e axilas, marcas de envelhecimento, cicatrizes de acne, manchas e flacidez, atuando até mesmo em áreas mais sensíveis do corpo, como regiões ao redor dos olhos, colo e pescoço.

Mais posts sobre manchas de sardas no rosto:
- Maquiagem para esconder sardas,
- Creme para manchas na pele,
- Causas das manchas escuras na pele,
- Peeling de cristal
- Como clarear manchas na pele.

Fonte: Divulgação
Foto: Flickr

Votar no artigo:
Nenhum voto. Seja você o primeiro!